13 setembro, 2011

Festival das Cerejeiras

Domingo de preguiça, sol a pino, brisa gostosa pra caminhada, presença de amigos e muitos tiros. Impossível existir uma terapia melhor que essa. Fototerapia. 

Fiz alguns videos assim que tiver coragem pra editar publico-o.

Abaixo cliques do Festival das Cerejeiras que acontece anualmente no Parque do Carmo na Zona Leste de São Paulo.



Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 135mm
Abertura 6.38
Number f/9
ISO 400


Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 162mm
Abertura 6.63
Number f/10
ISO 400

Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 135mm
Abertura 6.38
Number f/9
ISO 400

Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 138mm
Abertura 6
Number f/8 
PB aplicado
ISO 400

Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 135mm
Abertura 6
Number f/8
ISO 400

Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 135mm
Abertura 6.63
Number f/10
ISO 400

Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 135mm
Abertura 5
Number f/5.6
ISO 400

Canon EOS REBEL XS
Lente 18-135mm Canon
Distancia focal 135mm
Abertura 7
Number f/11
ISO 400




12 setembro, 2011

Escolhas

Para ler ouvindo (ou não)

Architecture In Helsinki - Souvenirs

http://youtu.be/V5cpfyolPH4


Acordei cedo, espreguicei ainda com a minima vontade de levantar, dei aquela respirada fundo e mirei no teto branco. Por um longo tempo fiquei contemplando o branco, até ser sugado para 10 anos atras, talvez até um pouco mais. 

Já devo ter escrito sobre escolhas, tempo, sonhos, uma dúzia de vezes, mas esse é um tema que merece ser revisitado constantemente.

Revendo minhas escolhas não me arrependo de nenhuma delas, afinal, sou o que sou graças ao trilho que elas me colocaram. Conheci muita gente, muito mais que possa imaginar, fiz grandes amigos, alguns que se tornarão irmãos. Errei, aprendi, ensinei, mas o principal moldei minha personalidade como tal ela é hoje.

Mas, não posso deixar de negar que embora me orgulhe dessas escolhas, hoje, talvez eu não as repetiria.

Contudo o que me deixa mais feliz é a possibilidade de começar novamente, nem sempre um passo pra trás é um passo pra trás. 

Nunca pensei em ser, mas me tornei; mais a cargo das opções que me foram apresentadas, do que aquele desejo latente que move a maioria das pessoas e vendo que ainda carrego essas incertezas percebo que mudar é outra escolha da qual tenho certeza que não vou me arrepender.

Vou me inspirando no Ton, na Carol e projetando onde eu quero estar daqui 10 anos. Nenhum desses desejos envolve dinheiro, posição social ou um status que mereça inveja. Quero apenas a tranquilidade de poder programar meu próximo fim de semana, minhas ferias após um ano de trabalho, compartilhar uma cerveja gelada no fim do dia e quem sabe um belo por sol ao lado de uma pessoa incrível